Detidos burlões de idosos

Dois homens, de 21 e 45 anos, suspeitos de terem burlado idosos após pedirem para fotografar o ouro que tinham em casa, foram detidos por militares do Núcleo de Investigação Criminal do destacamento de Viseu da GNR.

Os indivíduos "abordavam os idosos alegando serem conhecidos de familiares, criando assim empatia com os mesmos" e de seguida pediam-lhes "para fotografar o ouro que tivessem nas suas residências, argumentando que iam abrir uma ourivesaria, e ofereciam-lhes um rádio de baixo valor", adiantou à Lusa a GNR.

Segundo a Guarda, os suspeitos "com este esquema, efetuaram burlas no valor de vários milhares de euros", e "quando não conseguiam os seus intentos", agrediam fisicamente os idosos.

Na detenção dos dois homens, residentes em Moura, as autoridades apreenderam "dois brincos em ouro, uma viatura, dinheiro, um telemóvel e nove rádios".

Ler mais

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.

Premium

Diário de Notícias

A ditadura em Espanha

A manchete deste dia 19 de setembro de 1923 fazia-se de notícias do país vizinho: a ditadura em Espanha. "Primo de Rivera propõe-se governar três meses", noticiava o DN, acrescentando que, "findo esse prazo, verá se a opinião pública o anima a organizar ministério constitucional". Explicava este jornal então que "o partido conservador condena o movimento e protesta contra as acusações que lhe são feitas pelo ditador".