Deco divulga menus saudáveis contra obesidade infantil

A associação de defesa do consumidor Deco lança hoje uma campanha contra a obesidade infantil, disponibilizando na Internet menus saudáveis, fáceis e baratos.

As receitas, elaboradas por alunos da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, sob acompanhamento de nutricionistas, vão estar acessíveis no portal www.ficanalinha.pt, a par da respetiva lista de compras dos produtos usados, com os preços.

Segundo a Deco, ao todo irão estar disponíveis 31 menus, correspondentes a um mês de refeições, incluindo cada um deles pequeno-almoço, lanche a meio da manhã, almoço, lanche a meio da tarde e jantar.

As receitas, facilmente executadas por toda a família, são publicadas semanalmente, adianta a associação.

Com a campanha "Fica na Linha", a Deco pretende sensibilizar crianças e jovens e os pais para os benefícios de uma alimentação saudável, mas também prática, variada e sem grandes custos.

De acordo com a gestora do projeto, Dulce Ricardo, uma refeição pode custar um a dois euros por pessoa, podendo os menus, que incluem desde sopas a sobremesas com "scones", ser usados conforme as conveniências e, eventualmente, ser atualizados no portal.

Durante a campanha, alunos de três escolas da zona de Lisboa vão poder provar as receitas, depois de participarem na sua confeção.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Saúde

Empresa de anestesista recebeu meio milhão de euros num ano

Há empresas (muitas vezes unipessoais) onde os anestesistas recebem o dobro do oferecido no Serviço Nacional de Saúde para prestarem serviços em hospitais públicos carenciados. Aquilo que a lei prevê como exceção funciona como regra em muitas unidades hospitalares. Ministério diz que médicos tarefeiros são recursos de "última instância" para "garantir a prestação de cuidados de saúde com qualidade a todos os portugueses".