Cinco feridos ligeiros devido a intoxicação por gases

As pessoas apresentavam tonturas e náuseas

Cinco pessoas foram transportadas hoje ao Hospital de Santarém por apresentarem tonturas e náuseas provocadas por gases com origem provável num esquentador, disse à Lusa fonte da proteção civil.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém, o alerta foi dado às 08:17, tendo a intoxicação ocorrido numa habitação no Bairro do Girão, nos arredores da cidade.

No local estiveram 18 operacionais e oito viaturas das corporações de bombeiros municipais e voluntários de Santarém, da PSP e do Hospital de Santarém (Viatura Médica de Emergência e Reanimação), disse a fonte.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

O populismo entre nós

O sucesso eleitoral de movimentos e líderes populistas conservadores um pouco por todo o mundo (EUA, Brasil, Filipinas, Turquia, Itália, França, Alemanha, etc.) suscita apreensão nos países que ainda não foram contagiados pelo vírus. Em Portugal vários grupúsculos e pequenos líderes tentam aproveitar o ar dos tempos, aspirando a tornar-se os Trumps, Bolsonaros ou Salvinis lusitanos. Até prova em contrário, estas imitações de baixa qualidade parecem condenadas ao fracasso. Isso não significa, porém, que o país esteja livre de populismos da mesma espécie. Os riscos, porém, vêm de outras paragens, a mais óbvia das quais já é antiga, mas perdura por boas e más razões - o populismo territorial.