Cavaco Silva elogia Obra Diocesana no Porto

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, elogiou hoje o "trabalho notável" feito pela Obra Diocesana de Promoção Social em prol dos mais fracos e conheceu o trabalho feito pela autarquia na reabilitação de bairros municipais.

"Quero manifestar o reconhecimento pelo trabalho notável da Obra Diocesana, que me surpreendeu pela dimensão e qualidade, em prol dos mais fracos, os mais frágeis, os mais necessitados da nossa sociedade e em particular da região do Porto", afirmou.

Cavaco Silva falava à entrada de um dos 12 centros da Obra Diocesana, na zona da Fonte da Moura, que foi "totalmente requalificado pela Câmara do Porto".

O Presidente da República passou ainda pelo bairro municipal da Fonte da Moura para "conhecer a reabilitação que a Câmara do Porto está a realizar na área da habitação social".

A visita acabaria marcada pelas muitas crianças da Obra Diocesana de Promoção Social que receberam o chefe de Estado com bandeirinhas, gritando "Cavaco Silva, Cavaco Silva", no que foram acompanhadas também por alguns adultos.

A atenção dada pela comitiva aos mais pequenos não permitiu que ouvissem as queixas que um morador do bairro fez questão de gritar bem alto: "Venham ver as casas por dentro, que estão todas podres", pediu, sem obter resposta, António Fernandes da Silva.

A requalificação da totalidade do bairro da Fonte da Moura vai ser iniciada este ano, permitindo concluir a intervenção parcial que a autarquia já ali tinha realizado.

Desde 2002, a Câmara do Porto reabilitou totalmente 12 bairros, recuperou parcialmente sete e tem obras em curso noutros cinco, tendo investido na área mais de 140 milhões de euros, revela a revista municipal "Porto Sempre" de janeiro.

As próximas intervenções agendadas dizem respeito ao Bairro da Fonte da Moura e à segunda e terceira fase das obras no Bairro do Lagarteiro, escreve-se na publicação.

Estas empreitadas já previstas permitirão concluir a recuperação de dois dos sete bairros que a Câmara apenas tinham sido "reabilitados parcialmente".

As obras em curso dizem respeito aos bairros de Aldoar, Contumil, Rainha D. Leonor, Santa Luzia e S. Roque da Lameira, os outros cinco que já tinham sido alvo de recuperação parcial.

Até ao momento, a autarquia requalificou totalmente 12 bairros: Campinas, Carriçal, Carvalhido, Duque de Saldanha, Pinheiro Torres, Fernão de Magalhães, Francos, Lordelo, Outeiro, Pio XII e Vale Formoso.

Ler mais

Exclusivos