Campanha para repôr 'stocks' de sangue

O Instituto Português do Sangue (IPS) vai lançar uma campanha de sensibilização para recolha de dádivas entre amanhã e sábado.

Segundo o presidente do IPS, Hélder Trindade, a campanha visa "manter e se possível aumentar o número de dadores". Segundo disse hoje ao início da noite ao DN, para além dos centros regionais, das brigadas móveis e dos hospitais, no sábado está aberto o Centro de Histocompatibilidade do Sul.

No site do IPS estão os locais e horários onde os dadores se podem dirigir.

Recusando avançar os dados relativos aos níveis de reservas de sangue existentes depois da quebra nas dádivas registadas no início de fevereiro, Hélder Trindade disse apenas que "o ideal" da reserva nacional são as dez mil doses.

"Não há propriamente a necessidade de fazer grandes colheitas, é preciso é haver colheitas regulares (...) A dádiva de sangue -- é esse o apelo que eu faço -- é preciso é que seja regular", sublinhou.

Outro dos objetivos desta campanha de sensibilização é criar um novo perfil de dador, o dador jovem que, na maior parte dos casos, "não dá sangue porque é saudável" e não lhe ocorre que poderá vir a precisar.

Ler mais

Exclusivos