Aye! Dia de Portugal na Califórnia aprovado por unanimidade e oração

Senado da Califórnia proclama Dia de Portugal no Estado por unanimidade. Costa convida Californianos a descobrir Portugal.

"Vamos colocar-nos na presença de Deus", proclamou a capelã do Senado Californiano antes da sessão que aprovou, por unanimidade, o 10 de junho de 2018 como dia de Portugal na Califórnia.

A oração, que marca o arranque de todas as sessões do Senado, é seguida pelo juramento, dito em uníssono por todos os 39 senadores (25 democratas, 14 republicanos) e americanos presentes nas galerias: "uma nação crente, indivisível com liberdade e justiça para todos", escutou-se na sala do capitólio situado na capital Sacramento.

O ritual, muito diferente da laicidade portuguesa, antecedeu a intervenção, longamente aplaudida, de António Costa. Insistindo em ideias já afirmadas na viagem aos EUA, que passam pela boa integração da comunidade de 355 mil lusodescendentes que vivem na Califórnia, e pela afirmação de um Portugal moderno e Tecnológico, terminou com um convite: "Os portugueses foram dos primeiros europeus a explorar a Califórnia", lembrou, afirmando que "chegou o tempo de a Califórnia fazer o percurso inverso e descobrir Portugal". "Serão muito bem vindos", garantiu".

O ritual da votação da proposta que institui o dia de Portugal no Estado seguiu o ritual habitual nos EUA mas mais muito diferente do português: o secretário da Câmara chama cada um dos 39 senadores, que para indicar a votação positiva responde: "Aye". Ouviram-se 39.

Ler mais

Exclusivos