Atenção: o futuro está a chamar

No balanço do 20.º aniversário, a Talenter™ pretende ser um agente ativo na reorientação profissional de trabalhadores e na qualificação de pessoas em setores que apresentem claro défice de profissionais.

Para Sónia, rececionista, o futuro está mesmo à frente. Para Raul, carpinteiro, o futuro está em construção. Para Rudolfo, operador turístico, o futuro é um destino de sonho e, para Albertina, copeira, o futuro serve-se com um sorriso. Em comum, não partilham a mesma nacionalidade ou habilitação profissional, mas procuram uma nova vida e ligaram-se à Talenter para encontrarem uma solução de trabalho que valorize o seu empenho e dedicação. Uma marca, constituída em 1999, que acredita que as pessoas e o seu talento são o grande fator diferenciador, suscetível de promover o sucesso e a vantagem competitiva nas organizações.

Duas décadas depois de romper com a visão tradicional e economicista do trabalho enquanto fator produtivo, a Talenter pretende ser um agente ativo na reorientação profissional de trabalhadores e na qualificação de pessoas em setores que apresentem claro déficit de profissionais. "Nascemos em 1999 e crescemos com os nossos colaboradores e parceiros. Neste momento a Talenter tem 28 lojas em todo o país, com um objetivo claro de estar cada vez mais próxima das pessoas, ser uma empresa com forte orientação para o cliente e distinguir-se pela flexibilização nas soluções que apresenta. Futurizámos as nossas soluções. Começámos com o Trabalho Temporário e crescemos para integrar soluções de Recrutamento, Formação Profissional, Outsourcing e Consultoria e Gestão de Talento", explica a empresa a propósito das comemorações dos 20 anos.

No balanço do 20.º aniversário, a Talenter já ligou mais de 100.000 pessoas, cerca de 90 nacionalidades e mais de 400 profissões. Sob o slogan "futuriza-te", conta com uma equipa de mais de 200 colaboradores e 8.000 colaboradores cedidos. Desde 2006, integra ainda o ranking das 1.000 maiores empresas nacionais e está, presentemente, em todo o território nacional, com 28 delegações em 11 das principais capitais de distrito do país. "Recrutamos pessoas que procuram uma nova solução de trabalho para a sua vida independentemente da sua habilitação profissional ou área de atividade. É por causa das nossas pessoas que o nosso futuro sempre teve um grande sorriso", acrescenta a Talenter . Pessoas como Sónia, Raul, Rudolfo e Albertina que se candidataram para mudar o seu futuro.

Simultaneamente (e porque as carreiras são construídas por múltiplos projetos e experiências), a Talenter tem crescido motivada em promover o talento das pessoas, ajudando-as a desenvolver as suas competências pessoais e profissionais através de, por exemplo, cursos de formação. "O talento é um dom, uma característica inata, mas também uma aptidão que se desenvolve e identificar", afirma a marca. "Neste âmbito, estamos vocacionados para dar apoio a empresas na gestão integral ou parcial do seu ativo mais importante: as pessoas e o seu talento." E é por causa de cada uma delas que o futuro tem cada vez mais Talenter .

Exclusivos

Premium

Betinho

"NBA? Havia campos que tinham baldes para os jogadores vomitarem"

Nasceu em Cabo Verde (a 2 de maio de 1985), país que deixou aos 16 anos para jogar basquetebol no Barreirense. O talento levou-o até bem perto da NBA, mas foi em Espanha, Andorra e Itália que fez carreira antes de regressar ao Benfica para "festejar no fim". Internacional português desde os Sub-20, disse adeus há seleção há apenas uns meses, para se concentrar na carreira. Tem 34 anos e quer jogar mais três ou quatro ao mais alto nível.