ASAE apreende 17 mil litros de vinho e 775 mil ovos

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu na terça-feira 17 mil litros de vinho, 775 mil ovos frescos e 19,8 toneladas de derivados por infrações relacionadas com a rotulagem ou definição de prazos de validade.

A ASAE realizou no passado dia 9 de setembro, no concelho de Amarante, uma ação de fiscalização junto de um engarrafador/armazenista de produtos vínicos, na sequência de prévia investigação. Na sequência dessa ação, apreendeu cerca de 17 mil litros de vinho de mistura proveniente da União Europeia e 12900 rótulos, no valor total de cerca de 8270 euros.

De acordo com um comunicado da ASAE, "o processo de contra ordenação foi instaurado por infrações relativas à falta de menções obrigatórias em produtos vínicos e inclusão de outras menções não permitidas e ainda por falta de rotulagem".

No mesmo dia, houve uma outra ação de fiscalização, mas aqui a um centro de embalamento e classificação de ovos no concelho de Leiria. Foram apreendidos cerca de 775 mil ovos frescos e 19,8 toneladas de produtos derivados de ovo no valor total de cerca de 133 mil euros.

"Foi instaurado o correspondente processo de contraordenação por falta de rastreabilidade, não marcação dentro do prazo, incorreta indicação de durabilidade e ainda por falta de licença para entrepostagem de ovoproduto", diz o mesmo comunicado

Ler mais

Exclusivos

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Legalização do lobbying

No dia 7 de junho foi aprovada, na Assembleia da República, a legalização do lobbying. Esta regulamentação possibilitará a participação dos cidadãos e das empresas nos processos de formação das decisões públicas, algo fundamental num Estado de direito democrático. Além dos efeitos práticos que terá o controlo desta atividade, a aprovação desta lei traz uma mensagem muito importante para a sociedade: a de que também a classe política está empenhada em aumentar a transparência e em restaurar a confiança dos cidadãos no poder político.