Arquiteto e antigo presidente do CCB Antero Ferreira morreu aos 84 anos

Carlos Antero Ferreira, professor da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, foi arquiteto, historiador, ensaísta e poeta

O arquiteto e antigo presidente do CCB Carlos Antero Ferreira morreu hoje, aos 84 anos, num hospital em Lisboa, vítima de doença prolongada, informou a família.

Carlos Antero Ferreira, professor da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, foi arquiteto, historiador, ensaísta e poeta.

Nascido em Lisboa a 24 de fevereiro de 1932, foi presidente do Centro Cultural de Belém (CCB) entre 1993 e 1996. Foi ainda presidente do conselho de administração e do conselho diretivo da Fundação das Descobertas.

Antero Ferreira foi também presidente do Instituto Português do Património Cultural, mais tarde Instituto Português do Património Arquitetónico e Arqueológico, entre 1990 e 1993.

A nível universitário, foi responsável pela transformação do Departamento de Arquitetura da Escola Superior de Belas Artes de Lisboa em Faculdade de Arquitetura integrada na Universidade Técnico de Lisboa, segundo informações prestadas pela família à agência Lusa.

Recebeu vários galardões e distinções e durante a vida académica escreveu mais de 200 títulos, entre livros, ensaios e outros textos.

O velório de Antero Ferreira realiza-se no domingo pelas 14:00 na Igreja de Santo António do Estoril. Na segunda-feira pelas 8:30 haverá uma missa de corpo presente, seguindo depois o funeral para Alcabideche, onde o corpo será cremado.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Saúde

Empresa de anestesista recebeu meio milhão de euros num ano

Há empresas (muitas vezes unipessoais) onde os anestesistas recebem o dobro do oferecido no Serviço Nacional de Saúde para prestarem serviços em hospitais públicos carenciados. Aquilo que a lei prevê como exceção funciona como regra em muitas unidades hospitalares. Ministério diz que médicos tarefeiros são recursos de "última instância" para "garantir a prestação de cuidados de saúde com qualidade a todos os portugueses".