António Costa "sereno" em relação ao Orçamento de Estado

O primeiro-ministro garantiu em Berlim que questão não está na agenda para o encontro que terá com Angela Merkel.

O primeiro-ministro afirmou-se hoje em Berlim "sereno" com a questão do Orçamento de Estado. "O que tínhamos a fazer está feito", disse António Costa aos jornalistas no decorrer de uma vista a uma feira agrícola naquela cidade alemã. O chefe do Executivo comentou ainda que o Orçamento de Estado para 2016 foi ontem aprovado em Conselho de Ministros "por unanimidade e aclamação".

Falando do encontro que terá a seguir com a chanceler Angela Merkel, Costa disse que a questão do Orçamento de Estado não está na agenda, antes dossiês como o dos refugiados ou o do Brexit.

Costa vai oferecer-se à Alemanha para ajudar a aliviar a pressão que esta tem sentido na questão dos refugiados. "Portugal é um país que, apesar de não estar particularmente pressionado, tem o dever de ser solidário", disse o primeiro-ministro.

António Costa disse ainda que a sua visita à feira agrícola de Berlim visou sublinhar a "excelência da produção nacional e ajudar à sua internacionalização".

Esta tarde, em Lisboa, decorrerá a entrega da proposta de Orçamento do Estado para 2016, que foi aprovada na quinta-feira, após seis horas e meia de reunião do Conselho de Ministros.

Já em Bruxelas, pelas 14:00 locais (13:00 de Lisboa) tem início a reunião extraordinária do colégio de comissários europeus, que vai emitir o parecer formal em relação ao esboço orçamental do Governo.

Ler mais

Exclusivos