Costa: Homenageamos Soares continuando combate por um Portugal melhor

Primeiro-ministro recordou Mário Soares como "um homem exemplar", no dia em que passa um ano da morte do ex-presidente

Lusa
© Filipe Amorim / Global Imagens

O primeiro-ministro e secretário-geral do PS considerou hoje que a mais justa homenagem a Mário Soares é continuar o seu combate por um Portugal melhor e que esse desígnio é cumprido diariamente honrando as suas lutas.

António Costa falava numa cerimónia de tributo ao antigo Presidente da República, um ano após a sua morte, na capela do Cemitério dos Prazeres, em Lisboa.

O primeiro-ministro, que não esteve nas cerimónias fúnebres de Mário Soares, há um ano, por se encontrar em visita de Estado à Índia, prestou-lhe hoje homenagem no lugar da sua sepultura e recordou-o com "um homem exemplar", que "aliou o idealismo e o realismo" e "construiu a história, e por isso a história guardará o seu nome, a sua obra e o seu exemplo".

"A nossa mais justa homenagem a Mário Soares é continuarmos o seu combate por um Portugal melhor. Cumprimos diariamente esse desígnio honrando as suas lutas. Sempre que lutamos por um Portugal mais desenvolvido e mais justo, homenageamos Mário Soares", afirmou, num discurso de cerca de cinco minutos.

Perante a família de Mário Soares, o Presidente da República e o presidente da Assembleia da República, António Costa acrescentou: "Sempre que promovemos a liberdade e a cultura, homenageamos Mário Soares. Sempre que nos batemos por uma Europa mais solidária, homenageamos Mário Soares".

"Sempre que lutamos por um mundo de paz e de progresso, homenageamos Mário Soares. E o nosso dever é todos os dias homenagearmos Mário Soares. Republicano, laico e socialista, assim se disse e assim se quis. E podemos acrescentar: humanista, universalista, português, europeu e cidadão do mundo", completou.