5% da carne de vaca da UE tem ADN de cavalo

Quase 5% dos produtos de carne rotulados como carne bovina na União Europeia (UE) contêm vestígios de ADN de cavalo. A notícia é avançada pelo jornal ABC, que cita fontes da UE, em antecipação de um relatório europeu que hoje é divulgado.

Segundo o ABC, outro dos dados que se será revelado durante o dia de hoje é o de que 0,6% das amostras de carne de cavalo analisadas em matadouros europeus, continham vestígios de fenilbutazona, um anti-inflamatório administrado a cavalos, mas que está banido da cadeia alimentar.

Não obstante estes dados, para já os responsáveis da UE entendem que não há um risco imediato para a saúde pública.

Exclusivos