Inês de Medeiros vai ter viagens pagas pelo Parlamento

O Presidente da Assembleia da República, Jaime Gama, decidiu acolher o parecer favorável do auditor jurídico da AR e a deputada do Partido Socialista, Inês de Medeiros, vai ter direito a uma viagem por semana para Paris.

Inês de Medeiros foi eleita deputada do PS por Lisboa nas últimas eleições legislativas, mas tem residência em Paris e por isso vai passar a ter direito a uma viagem a casa por semana, avança hoje o jornal "Público".

O auditor jurídico da Assembleia da República entendeu, com base no princípio constitucional que faculta aos parlamentares meios para cumprir as suas funções, que as viagens da deputada socialista devem ser pagas pelo Parlamento.

Jaime Gama concordou com o parecer, tendo decidido a favor da deputada uma vez que já residia em Paris quando foi eleita, mas alertou que o caso de Inês de Medeiros é uma “excepção”.

A deputada do PS mora em Paris e tem uma rotina semelhante à dos deputados eleitos pelos círculos da emigração.

Inês de Medeiros ao ter ajuda financeira nas deslocações a casa, tal como os restantes deputados, obriga a uma mudança no regime de ajudas de custo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG