Fuga de Manuel Baltazar 'seguida' no Facebook

Manuel Baltazar está a tornar-se uma estrela no Facebook. E já tem uma página nesta rede social com o objetivo de contar a fuga do alegado homicida de duas mulheres em Valongo dos Azeites (São João da Pesqueira) a 17 de abril.

"Palito", como também é conhecido, está a ser procurado faz amanhã um mês pela Guarda Nacional Republicana e pela Polícia Judiciária, com dezenas de militares e inspetores no terreno.

Mas até ao momento as autoridades não conseguiram encontrar vestígios do homem que cortou a pulseira eletrónica que usava devido a uma condenação por violência doméstica, disparando depois contra, além da ex-sogra e de uma irmã desta que morreram, a ex-mulher e a filha de ambos. Estas tiveram de ser internadas, uma no hospital de Viseu e a outra em Coimbra, tendo entretanto recebido alta.

Neste período, o fugitivo já foi avistado por três vezes, uma delas quando mandou parar a carrinha do padeiro que fornece o concelho para se abastecer.

Agora, foi criada esta página, a que já aderiram milhares de pessoas, em que "Palito" surge em vários locais públicos. Ontem, por exemplo, até foi colocada uma fotomontagem de uma "vivenda Palito, residência provisória".

A brincadeira em redor da fuga de Manuel Baltazar tem vários atos na página: a ver futebol ao lado de Diego Maradona, a ser fotografado em Turim, onde se "deslocou" para ver a final da Liga Europa entre Benfica e Sevilha, ou até a presença num programa da SIC.

E, claro, há ainda uma imagem de um kit de sobrevivência com vários tipos de enchidos a que só falta, como se pode ler num dos post "comprar pão e comer".

Veja a página no facebook

Exclusivos