Faz amanhã 30 anos que Sá Carneiro morreu

Foi a 4 de Dezembro de 1980 que o avião em que o então primeiro-ministro seguia para o Porto se despenhou em Camarate, pouco depois de levantar voo no aeroporto da Portela, em Lisboa. Amanhã o DN traz um trabalho especial sobre o 30.º aniversário da morte de Sá Carneiro.

Trinta anos depois as circunstâncias da tragédia ainda estão por esclarecer, havendo quem defenda a teoria de atentado e quem argumente a favor da teoria de acidente. Na queda do avião morreram também o Ministro da Defesa, o democrata-cristão Adelino Amaro da Costa, bem como a companheira de Sá Carneiro, Snu Abecassis, para além de assessores, piloto e co-piloto.

Na edição de amanhã do DN, não perca o trabalho especial acerca do 30.º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG