'Escola Segura' registou mais de 5 mil participações

As participações recebidas pelas autoridades no âmbito do Programa 'Escola Segura' aumentaram 22% no ano passado e a maioria registou-se nos distritos de Lisboa e Porto, refere o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) de 2011.

De acordo com o documento, hoje apresentado em Lisboa, foram participadas 5.762 ocorrências no interior e nas imediações da escola ou no percurso casa-escola, a maioria das quais (4.284) de natureza criminal. Destas, quase 3.000 ocorreram no interior do estabelecimento de ensino.

Relativamente ao ano letivo 2009/2010, houve um aumento de 1.049 participações (mais 22%).

Segundo o RASI, os furtos (353) e a ofensa à integridade física (291) foram os crimes mais participados. Por outro lado, as ofensas sexuais (27) e as ameaças de bomba (14) foram os olícitos com menos expressão.

Quando à distribuição das participações por distrito, Lisboa e Porto têm em conjunto mais de metade dos crimes registados no âmbito do Programa 'Escola Segura'. Lisboa lidera a lista, com 2.001 participações, seguida do Porto (1.189), Setúbal (378), Aveiro (329) e Leiria (253).

O Programa 'Escola Segura' é uma iniciativa de prevenção e policiamento, de âmbito nacional, conjunta entre os ministérios da Administração Interna e da Educação, desenvolvida pela GNR e PSP e especialmente vocacionada para a segurança de toda a comunidade escolar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG