Concursos de 2015 vão começar a ser discutidos "brevemente"

A direção-geral da Administração Escolar quer reunir com os sindicatos para preparar colocações do próximo ano "com tempo".

A Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE) disse na sexta-feira que os encontros para preparar os concursos de professores para o próximo ano vão começar "muito proximamente". Desta forma, a tutela, que não respondeu ao DN sobre estas reuniões, espera evitar os atrasos e os erros nas colocações dos docentes que se verificaram este ano.

Na sexta-feira, a Federação Nacional de Educação (FNE) reuniu com a nova diretora-geral da DGAE - o anterior demitiu-se por causa dos erros na Bolsa de Contratação de Escola - e pediu as reuniões de preparação do próximo ano letivo começasse em breve. Um pedido que o secretário-geral da FNE, João Dias da Silva, referiu, após a reunião, ter sido "acolhido positivamente pela diretora-geral". Agora o sindicalista espera que o "proximamente", seja ainda este mês. "Os concursos têm de ser lançados o mais tardar até ao final de janeiro, por isso, a discussão da forma como eles vão ser feitos tem de começar agora, para que as coisas sejam feitas com tempo".

Três dias antes (na terça-feira 28 de outubro) a plataforma de sindicatos, numa reunião semelhante com a diretora da DGAE, Maria Luísa Oliveira, também pediu que se avançasse com a preparação do próximo ano. Mas este grupo, do qual faz parte a Fenprof, não recebeu qualquer resposta. "Dissemos na reunião que pretendíamos uma abertura do processo negocial para os concursos de 2015 e não tivemos nenhum feedback", explica Luís Lobo, dirigente da Federação Nacional dos Professores (Fenprof).

Leia mais pormenores na edição impressa ou no e-paper do DN

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG