Click To Pray: Uma aplicação móvel e rede social para rezar

A rede social de oração permite colocar num mural as intenções de cada um e rezar pelas intenções dos outros utilizadores.

O Secretariado Nacional do Apostolado da Oração lança na sexta-feira, em Fátima, a aplicação móvel (app) de oração "Click To Pray", que pretende propor uma nova forma de rezar através dos meios digitais.

Segundo o secretariado do Apostolado da Oração, obra confiada pelo Vaticano à Companhia de Jesus e que tem como missão principal a promoção da espiritualidade e da oração pessoal, o "Click To Pray" disponibiliza "propostas de oração, simples e breves, para três momentos do dia, durante os 365 dias do ano".

"É também uma rede social de oração, que permite colocar num mural as intenções de oração de cada um e rezar pelas intenções dos outros utilizadores", refere o movimento, adiantando que a iniciativa "inclui a proposta/desafio mensal de rezar pelas intenções que o papa Francisco confia ao Apostolado da Oração a cada mês".

A plataforma www.clicktopray.org integra um "site", uma aplicação móvel para Android e IOS, as redes sociais Facebook e Twitter e mailing, possibilitando a cada interessado escolher a forma como pretende aceder às propostas de oração.

A "app", gratuita, está disponível na App Store e Google Play.

O secretário nacional do Apostolado da Oração, padre António Valério, disse que "uma das orações do dia é uma frase inspiradora de um autor, nacional ou estrangeiro, de áreas que vão da espiritualidade à literatura ou da música à política", exemplificando com Martin Luther King.

"São apontamentos que ajudam as pessoas a ter um olhar positivo sobre a vida e a encararem o dia-a-dia com outra profundidade", afirmou António Valério, explicando que "propor uma nova forma de rezar através dos meios digitais" é um dos objetivos da iniciativa.

A este propósito, referiu que "os ritmos do dia-a-dia não favorecem muito o silêncio, a reflexão", defendendo a necessidade de "ir ao encontro de onde as pessoas estão e hoje estão muito nas novas tecnologias".

Através do "Click To Pray" pretende-se "criar novos canais de comunicação e vivência da fé", para além dos "canais tradicionais, que são os livros, as celebrações litúrgicas", assinalou.

O objetivo é "chegar a novos públicos", sobretudo mais juvenil que, "normalmente, usa mais estas plataformas", mas "visa chegar a todos", sublinhou.

António Valério realçou a importância de aprofundar a cultura do encontro, sobretudo com pessoas em contextos geográficos e culturais mais isolados".

"Quando pensamos nas zonas mais rurais, as pessoas não têm forma de partilhar a espiritualidade e, com esta rede de oração, é uma possibilidade de encontro com outras, além de que estando na Internet está alargada ao mundo inteiro", observou, destacando, neste caso, os portugueses espalhados pelo mundo.

O lançamento decorre às 10:00 na capela do Carmelo de Fátima, no âmbito das Jornadas Práticas sobre Comunicação Digital, que o Apostolado da Oração Portugal organiza e que decorrem na Domus Carmeli, à tarde, para debater experiências da evangelização no mundo digital, com a presença de especialistas internacionais.

O Apostolado da Oração é um movimento que tem cerca de 40 milhões de pessoas em todo o mundo e, em Portugal, está presente praticamente em todas as paróquias.

Há cerca de cinco anos, iniciou o trabalho de propor orações através das novas tecnologias, destacando-se o projeto "Passo a Rezar", que disponibiliza diariamente, no próprio "site" e através das suas aplicações móveis, ficheiros "mp3" que podem ser descarregados e ouvidos a partir de qualquer dispositivo eletrónico que suporte esse formato.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG