Cinco concelhos com risco muito elevado de incêndio

Os concelhos de Alcoutim, Barrancos, Abrantes, Sernancelhe e Moimenta da Beira apresentam hoje risco muito elevado de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou sob risco elevado de incendio quatro concelhos do distrito de Faro, 10 nos concelhos de Beja e Setúbal, cinco em Évora, quatro em Portalegre, e mais 30 concelhos nos distritos de Castelo Branco, Guarda e Bragança e quatro em Viana do Castelo.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, variando entre reduzido e máximo.

O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 de cada dia relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação ocorrida nas últimas 24 horas.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) registou na segunda-feira 30 incêndios, os quais foram combatidos por 399 bombeiros, apoiados por 111 veículos.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para hoje nas regiões a norte do sistema Montejunto-Estrela céu pouco nublado, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral até ao final da manhã e para o final do dia, além de períodos de chuva fraca ou chuvisco no litoral a norte do Cabo Carvoeiro, em especial para o final do dia.

Nas regiões a sul está previsto céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se em geral muito nublado no litoral oeste até meio da manhã.

O vento tende a soprar em geral fraco e o IPMA prevê uma pequena descida da temperatura máxima nas regiões do litoral.

Quanto às temperaturas máximas, as cidades de Beja e Évora vão ser as mais quentes com 30 graus Celsius, Castelo Branco vai ter 29, Portalegre 27, Vila Real, Bragança e Braga apresentam 26 de máxima, 25 em Lisboa e 21 no Porto.

No Funchal são esperados 23 graus Celsius, assim como em Santa Cruz, e 24 em Angra do Heroísmo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG