Grupo de cidadãos contra touradas em Samora Correia

Um grupo de cidadãos de Samora Correia pede a intervenção da Câmara Municipal de Benavente na proibição da realização de duas corridas de toiros naquela cidade, por ocasião das tradicionais festas religiosas, que arrancaram na quinta-feira.

Numa mensagem difundida na Internet pelo recém-criado movimento "Samorenses Anti-Touradas", é feito um pedido ao presidente da autarquia de Benavente para que "recuse conceder qualquer licença ou autorização para a realização desta ou de qualquer outra tourada".

Cabe à Câmara Municipal a autorização e licenciamento da instalação da praça de toiros ambulante que irá receber as corridas de sexta e segunda-feira no âmbito das festas em honra de Nossa Senhora de Oliveira e Nossa Senhora de Guadalupe.

"Infelizmente, há quem tente, recorrendo à instalação de praças de touros ambulantes, ir fazendo espeCtáculos tauromáquicos numa tentativa desesperada de salvar a indústria tauromáquica do estado de declínio ruinoso em que se encontra", refere a mensagem.

Ao mesmo tempo, é pedido ao presidente da autarquia que se "oponha à construção de uma praça de touros em Samora Correia" e que se construam antes infraestruturas como "um hospital, uma repartição de finanças ou um tribunal que conceda à cidade de Samora Correia o título que esta aufere", defendem.

No entanto, o presidente da autarquia, António José Ganhão (CDU), considera que "a Câmara não pode nem deve deixar de licenciar aquilo que a lei permite".

"A lei prevê que possam existir espectáculos e corridas de toiros no nosso país e que as mesmas se realizem em recintos desmontáveis, sendo para isso necessário cumprir a lei" em matéria de condições de segurança, referiu.

O autarca acrescentou que "não pode ser o presidente da Câmara a impedir a realização de qualquer destes espectáculos".

As festas de Samora Correia contam habitualmente com a realização de duas corridas de toiros, sexta e segunda-feira, numa praça de toiros montada para o efeito, assim como outras iniciativas taurinas, como encierros e entradas de toiros pelas principais ruas da cidade.

Exclusivos