Funcionário autárquico detido por provocar incêndio

O presumível responsável por um incêndio florestal, ocorrido a 28 de Março no concelho de São Pedro do Sul, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro.

Segundo a página de Internet da PJ, "o suspeito, com recurso a um isqueiro, iniciou diversos focos de incêndio em locais distintos, de modo a facilitar a propagação e a dificultar o combate" às chamas.

O indivíduo foi detido numa operação que contou com a colaboração do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da Guarda Nacional Republicana (GNR) de Viseu.

O incêndio consumiu mais de 150 hectares de pinheiro bravo, eucalipto e mato, causando elevados prejuízos pela destruição da mancha florestal existente.

"O detido, com 47 anos, é funcionário de uma autarquia, não possuindo antecedentes criminais de relevo, tendo atuado num quadro de motivação não explicável racionalmente, gostando inclusive de ajudar no combate às chamas as corporações de bombeiros", refere a PJ.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG