Barco naufragou mas pescadores já foram resgatados

Uma embarcação de arte xávega naufragou às 11.23 na praia de Mira, distrito de Coimbra, mas os cinco pescadores já foram resgatados pelos bombeiros e encontram-se bem.

Segundo o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Coimbra, desconhecem-se as causas do naufrágio, que vão agora ser alvo de averiguações pela Capitania do Porto de Aveiro.

Os cinco tripulantes da embarcação Nossa Senhora dos Aflitos foram resgatados pelos bombeiros e não houve necessidade de transportá-los ao hospital, tendo recebido tratamento no local, adiantou a mesma fonte. Apresentavam "pequenas escoriações e uma dose de hipotermia", informou à Lusa fonte da Capitania.

Os Bombeiros Voluntários de Mira estiveram presentes com 14 elementos e 6 viaturas, assim como a Polícia Marítima e o Instituto de Socorros a Náufragos (ISN).

A arte da xávega é um processo de pesca tradicional feita com pequenas embarcações em que as redes são lançadas ao largo da praia e depois puxadas para terra por tratores.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG