Baixa de Amarante de prevenção com possibilidade de cheias no Tâmega

Os habitantes da baixa de Amarante estão de prevenção para a possibilidade de, durante a tarde, o rio Tâmega poder inundar a zona ribeirinha da cidade, disse à Lusa fonte da proteção civil.

"O rio está a subir muito depressa e é previsível que, se a chuva se mantiver nas próximas horas, o Tâmega possa transbordar o leito", acrescentou.

Segundo a fonte, "os meios da proteção civil estão de prevenção e os moradores sabem o que fazer nestas circunstâncias".

Nas últimas inundações verificadas em Amarante, a primeira rua a ser afetada é a 31 de Janeiro, onde há vários estabelecimentos comerciais e habitações com caves a uma cota muito próxima do rio.

São os proprietários desses espaços que, como prevenção, costumam retirar os seus bens quando há previsão de cheias

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG