Assis e Seguro avançam para a liderança do partido

Francisco Assis e António José Seguro anunciaram hoje as suas candidaturas a secretário-geral do Partido Socialista. A eleição do novo líder do partido está marcada para 23 de Julho.

Francisco Assis anunciou hoje, a sua candidatura à liderança do Partido Socialista, entrando assim na corrida à sucessão de José Sócrates. Em declaração à imprensa, Assis afirmou que não só acredita que vai ser o novo secretário geral do PS como antevê ainda a sua candidatura a primeiro ministro.

"O PS, enquanto partido da oposição, tem uma grande obrigação: tornar-se uma alternativa de esquerda credível", afirmou Assis, assegurando que tal irá acontecer se for eleito, como espera.

"A nossa primeira responsabilidade é constituirmos uma alternativa credível baseada em quatro pontos fundamentais: Tempo, imaginação, consistência e competência", disse.

Assis não promete um caminho fácil aos socialistas, mas diz-se pronto a enfrentar os combates que o partido tem pela frente.

António José Seguro também anunciou hoje a sua candidatura na rede social Facebook, embora só amanhã esta seja oficializada, afirmando: "Caros amigos agradeço os milhares de mensagens de apoio e de incentivo que tenho recebido de militantes e simpatizantes para me candidatar à liderança do PS. Decidi corresponder ao vosso apelo. Sou candidato a secretário-geral do meu partido de sempre. Anunciarei as razões da minha candidatura amanhã, quinta feira, às 13:00, na sede nacional no Largo do Rato. O novo ciclo é o lema da nossa candidatura. Bem hajam!"

A Comissão Nacional do PS aprovou ontem a realização das eleições directas para a eleição do novo líder do partido no dia 23 de Julho, realizando-se o Congresso Nacional entre 9 e 11 de Setembro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG