Arcebispo de Braga critica Governo

D. Jorge Ortiga diz que os governantes não estão a saber responder à crise que o país atravessa. Este já é o segundo bispo, depois de D. Januário Torgal Ferreira, a criticar o Governo num curto espaço de tempo

O arcebispo de Braga criticou hoje o Governo por não responder às necessidades por que passam os portugueses.

D. Jorge Ortiga, que é também ex-presidente da Conferência Episcopal, aproveitou um festival da Juventude, para lançar fortes acusações aos partidos do poder.

"Para eles [os políticos], muitas vezes e quase sempre, vale apenas o bem estar pessoal ou, quanto muito, do seu grupo ou partido", afirmou o bispo, citado pela Rádio Renascença.

Perante uma plateia de jovens, o arcebispo de Braga prosseguiu: "Nós somos pelo bem de todos, sentimo-nos inquietos e incomodados com aquilo que aflige os outros, quando nós verificamos que neste momento de crise os políticos não são capazes de encontrar o mínimo de convergência para trabalhar à procura de uma solução. Nós teremos que nos empenhar de mãos dadas, sede construtores desta única família, apostai em causas, ideias e projectos. Lutai por eles", apelou.

Este é o segundo bispo, num curto espaço de tempo, a lançar críticas ao Governo. Na semana passada, D. Januário Torgal Ferreira, bispo das Forças Armadas, disse "haver diabinhos negros no Governo".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG