Alunos encerram Faculdade de Direito de Lisboa

Cerca de meia centena de estudantes encerrou hoje a Faculdade de Direito de Lisboa e mantém-se em frente do edifício, chamando a atenção para as dificuldades provocadas pela alteração do regime de bolsas.

Com a fachada coberta por duas enormes faixas negras, em que se lê "Se o Governo fecha para uns, nós fechamos para todos", a Faculdade de Direito está encerrada e ninguém entra, como disse à agência Lusa o presidente da Associação Académica desta universidade.

Uma corrente e um cadeado completam o quadro que tem como objectivo "sensibilizar a classe política para a necessidade de alterar o regime de bolsas instituído pelo Governo, que reduz substancialmente valores e exclui alunos", disse Gonçalo Carrilho.

"Haja Governo ou não, queremos alertar para o facto de não poder haver no século XXI alunos a abandonar os estudo por falta de bolsas", acrescentou Gonçalo Carrilho.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG