Águas da Covilhã ativa plano de contigência

A empresa Águas da Covilhã ativou um plano de contingência face à escassez de água para abastecimento, que abaixo dos níveis médios para esta época do ano, informou o município em comunicado.

O plano prevê o recurso a "captações alternativas" da AdC e de particulares, de modo a minimizar a utilização da Barragem do Viriato, nas Penhas da Saúde, Serra da Estrela.

Segundo as últimas medições realizadas pela empresa de águas, a albufeira "apresenta um volume de armazenamento semelhante ao verificado no início de julho de 2011".

Além da barragem, também as minas e nascentes apresentam "uma redução significativa nos caudais".

O plano de contingência, ativado também em 2005, pretende acautelar "o abastecimento de água no período crítico de verão, caso as condições de pluviosidade não se alterem favorável e significativamente".

Se não chover em quantidade, o município admite que "terão de ser implementadas medidas mais rigorosas, que limitem as zonas de abastecimento a serem abastecidas exclusivamente por captações próprias".

Se tal acontecer, obrigará a que, "nalgumas localidades, o fornecimento de água seja efetuado apenas durante algumas horas por dia".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG