Tempestade Gordon a caminho dos Açores

As ilhas do grupo oriental do arquipélago dos Açores podem ser atingidas pela tempestade Gordon na madrugada de segunda-feira, prevendo-se ventos de 100 km/h e chuva forte, adiantou o Instituto de Meteorologia.

Por enquanto ainda uma tempestade tropical, o Gordon poderá transformar-se em furacão durante o fim de semana, segundo os especialistas norte-americanos citados pela AFP.

"Poderá atingir os Açores a partir da madrugada de segunda-feira, provocando ventos na ordem dos 100 quilómetros por hora e chuva forte. As previsões indicam que as ilhas mais afetadas serão as do grupo oriental", revelou a meteorologista do Instituto de Meteorologia dos Açores, Patrícia Navarro.

Patrícia Navarro explicou à Lusa que "vai depender muito da localização do centro desta depressão" a determinação das ilhas que serão afetadas.

"Poderá ser mais na ilha de São Miguel ou na ilha de Santa Maria, até poderá deslocar-se mais a norte e afetar mais as ilhas do grupo central. Para já tudo indica que vai passar mais perto das ilhas de São Miguel e de Santa Maria", precisou.

A Proteção Civil dos Açores, contactada pela Lusa, esclareceu que a eventual emissão de avisos está dependente da receção e avaliação do comunicado oficial do Instituto de Meteorologia, o que deverá acontecer ainda hoje.

De acordo com as especificações do Centro Nacional de Furacões norte-americano, que está a monitorizar e a acompanhar a progressão da tempestade Gordon, uma depressão tropical implica ventos inferiores a 63 km/h e uma tempestade tropical implica ventos entre os 63 km/h e os 117km/h.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG