Homem rapta e viola ex-mulher com "invulgar violência"

Recorrendo a uma "invulgar violência", um homem de 31 anos raptou e violou a ex-mulher, de 26, ontem quando esta saía do trabalho. Os crimes deram-se na Ilha Terceira (Açores) e o agressor foi detido.

Segundo a Polícia Judiciária (PJ) - que através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada e em colaboração com a PSP - identificou e deteve o agressor na Ilha Terceira, a vítima foi metida num carro contra a sua vontade. O rapto culminou em violação.

Em comunicado enviado ao DN a PJ diz que "a vítima foi introduzida, no dia de ontem e contra a sua vontade, na viatura do agressor, no percurso entre o seu posto de trabalho e o domicílio. A mesma foi privada da sua liberdade durante algum tempo, redundando na sua violação".

De acordo com as autoridades, o autor dos atos é ex-marido da vítima e usou "de uma invulgar violência [as autoridades não especificaram] para a consumação dos atos sexuais".

O homem agora detido é cantoneiro, natural e residente naquela Ilha, e vai ser sujeito a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas coação tidas por adequadas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG