Explosão em petroleiro provocou um morto e três feridos

Uma explosão ocorrida hoje a bordo de um navio petroleiro com bandeira das Baamas ao largo dos Açores provocou um morto e três feridos, revelou à Lusa fonte oficial da Força Aérea Portuguesa.

O acidente, cujas causas ainda não foram apuradas, ocorreu ao final da manhã, quando o petroleiro DS Crown' se encontrava a mais de 1.000 quilómetros a norte da ilha Terceira, nos Açores.

O facto de o petroleiro se encontrar fora do alcance do helicóptero EH-101 Merlin que vai recolher os feridos, obrigou a que fossem transferidos para um navio porta-contentores que se encontrava nas imediações e que se está aproximar da ilha Terceira.

A operação de transferência dos feridos do petroleiro para o navio de carga começou cerca das 14:00 (15:00 em Lisboa) e terminou às 17:30 (18:30 em Lisboa).

A Força Aérea conta fazer descolar da Base das Lajes o helicóptero que vai recolher os feridos cerca das 03:00 (04:00 em Lisboa), devendo um avião C 295 descolar cerca de 45 minutos depois para ajudar nesta operação.

No total, a missão de recolha dos três feridos, que terá lugar a cerca de 600 quilómetros da Terceira, deverá envolver cerca de 10 horas de voo, das quais seis horas e meia do helicóptero e as restantes três horas e meia do avião.

Os três feridos serão transportados para o Hospital de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG