1788 toneladas de alimentos recolhidos

Mil e 788 toneladas de alimentos contabilizadas até agora pelos voluntários do banco Alimentar Contra a Fome. Um volume sensivelmente idêntico ao do ano passado, diz Isabel Jonet, presidente da instituição.

Mas só amanhã se poderão fazer as contas finais, já que a campanha nas lojas dura enquanto os supermercados estiverem abertos e algumas fecham às 0:00. O ano passado totalizaram 2630 toneladas.

Recolheram no sábado 1332 toneladas, dos quais 334 em Lisboa, a cidade com mais lojas, maiores e que tem mais contributos. E, pela primeira vez, estiveram na Madeira e em Cabo Verde.

A campanha da doação de géneros alimentares do Banco Alimentar, a primeira de duas durante o ano, acabou ontem, mas os cidadãos podem continuar a fazer donativos até ao dia 9 de junho. Podem fazê-lo através da Internet ou comprando vales nos supermercados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG