Tribunais de Silves e Albufeira consideram inelegíveis três candidatos a juntas

Os tribunais de Silves e Albufeira consideraram inelegíveis três candidatos do PS e PSD à presidência de três juntas de freguesia daqueles concelhos, revelaram hoje os partidos que apresentaram os pedidos de impugnação.

Em comunicado, o Bloco de Esquerda adiantou que o Tribunal de Silves rejeitou as candidaturas de João Palma dos Santos (PS) à presidência da união de freguesias de Alcantarilha e Pêra e de Sérgio Antão (PSD) à presidência da união de freguesias de Algoz e Tunes, por excederem o limite de três mandatos consecutivos.

O Tribunal de Albufeira rejeitou igualmente a candidatura de Hélder de Sousa (PSD), pelos mesmos motivos, à presidência da união de freguesias de Albufeira e Olhos d'Água, requerida pelo PS, revelou a candidatura socialista àquela autarquia em comunicado.

Segundo o PS, o candidato apresentou-se ao tribunal "como exercendo a profissão de adjunto de presidente de câmara", embora esteja prestes a concluir o seu terceiro mandato consecutivo à frente da Junta de Freguesia de Albufeira.

"A alegação, muitas vezes usada, de que se trata, no caso vertente, de uma nova freguesia resultante da agregação das freguesias de Albufeira e de Olhos de Água, foi desmontada no pedido de impugnação devido ao facto de haver uma pública e notória proximidade entre os territórios", lê-se no comunicado.

Os socialistas acrescentam que a grande maioria dos eleitores das duas freguesias agregadas (85%) pertencem à freguesia de Albufeira, onde o candidato do PSD está a cumprir o terceiro mandato consecutivo como presidente.

Também no Algarve, os tribunais de Tavira e Vila Real de Santo António decidiram também impugnar as candidaturas do PSD à presidência das câmaras de Tavira e de Castro Marim, no âmbito de um pedido do Bloco de Esquerda.

Os candidatos, José Estevens e Francisco Amaral, respetivamente, estão ambos em limite de mandatos noutros municípios e já anunciaram que vão recorrer da decisão para o Tribunal Constitucional.

José Estevens preside à Câmara de Castro Marim desde 1997 e Francisco Amaral à de Alcoutim desde 1993.

As eleições autárquicas decorrem a 29 de setembro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG