Seguro nega que esteja marcada reunião com Cavaco

O secretário-geral do PS afirmou hoje que não está marcada qualquer reunião com o Presidente da República, frisando que a sua série de encontros envolve para já os partidos, os parceiros sociais e não órgãos de soberania.

António José Seguro falava aos jornalistas após ter estado reunido com a direção do CDS e ser questionado se também irá reunir-se em breve com o chefe de Estado, Cavaco Silva.

"Não está nem marcado nem pedido pelo PS nenhum encontro com o senhor Presidente da República. Estas reuniões não se destinam a apresentação de cumprimentos [após o congresso do PS], mas para a apresentação das nossas conclusões, quer aos parceiros sociais, quer aos partidos, procurando convergências para combater o desemprego", justificou.

António José Seguro distinguiu depois as reuniões com partidos e parceiros sociais do formalismo que marca as reuniões com órgãos de soberania.

"Uma coisa são as reuniões com os parceiros sociais e com os partidos, outra coisa é com os órgãos de soberania, este diálogo não é com os órgãos de soberania. Vamos aprofundar este diálogo com personalidades e com organizações da vida pública nacional", disse.

Em relação ao executivo de coligação PSD/CDS, o secretário-geral do PS voltou a acusá-lo de falta de diálogo político e social.

"O Governo pôs-se fora e deu cabo do diálogo político e social. Há hoje um novo consenso na sociedade portuguesa, do qual o Governo não faz parte, porque se isolou e radicalizou", acrescentou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG