Schulz justifica-se em português no Twitter

O presidente do Parlamento Europeu justificou-se em português no Twitter por que motivo criticou o apelo ao investimento angolano nas privatizações nacionais. Martin Schulz garante que não criticou o primeiro-ministro português.

"Momento algum critiquei PM Coelho ou interferi na política estrangeira de Portugal. Todos nós na UE em risco declínio se não agirmos juntos", escreveu Martin Shulz.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG