Sargentos: Mais de 800 votaram no sucessor de Lima Coelho

Cerca de 800 sargentos das Forças Armadas votaram para eleger, no fim de semana, os novos corpos dirigentes da associação da classe, até agora liderada pelo sargento-mor Lima Coelho, disse o militar ao DN.

António Lima Coelho, presidente da Associação Nacional de Sargentos (ANS) há década e meia, vai cessar funções nas próximas semanas (por passar à reserva) e ser substituído pelo sargento-chefe José Gonçalves.

Sargento-mor da Força Aérea, Lima Coelho vai continuar a assegurar a liderança da ANS até à posse dos novos órgãos sociais, ainda sem data marcada. "Será uma gestão administrativa", adiantou o militar, citado pela Lusa, que na segunda metade de 2015 passará à reserva.

Lima Coelho adiantou ao DN que a contagem final dos votos - muitos dos quais por correspondência - na lista única estará concluída terça-feira, pelo que só então poderá saber-se quantos boletins serão válidos e qual o número dos que votaram em branco.

A nova direção da ANS vai ser liderada por José Fernandes Gonçalves, sargento-chefe também da Força Aérea e que era até agora presidente em exercício da Assembleia-Geral da ANS.

Operador de sistemas de assistência e socorro, José Gonçalves está a acompanhar Lima Coelho nas visitas a várias unidades militares do continente e ilhas para participar nas comemorações do Dia do Sargento (oficialmente celebrado a 31 de janeiro) e cujo périplo tem servido para o líder cessante da ANS se despedir - e ao sucessor para se apresentar, em especial nas unidades de outros ramos, adiantou Lima Coelho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG