Rui Moreira acredita que portuenses irão exercer o seu direito de cidadania

O candidato independente à Câmara do Porto Rui Moreira considerou que o importante nas autárquicas de hoje é que "as pessoas sintam que este é um dia muito especial" e que "exerçam o seu direito de cidadania".

"Acho que é um dia da cidadania, é um dia em que as pessoas veem votar. Espero que corra tudo bem, que haja tranquilidade, que as pessoas possam vir e que o S. Pedro dê uma ajuda. Mas as pessoas estão habituadas [à chuva], o clima do Porto é assim", disse o candidato.

Rui Moreira acredita que o mau tempo que hoje se faz sentir na cidade do Porto não irá ter influência na votação e que as pessoas irão votar "sossegada e tranquilamente".

Em declarações aos jornalistas depois de exercer o seu direito de voto na Junta de Freguesia de Nevogilde, o candidato disse não ter ainda nenhum discurso escrito e que irá almoçar com a família, para mais tarde se dirigir para a sua sede de candidatura.

Para além de Rui Moreira, concorrem à Câmara do Porto Luís Filipe Menezes (PSD/MPT/PPM), Manuel Pizarro (PS), Pedro Carvalho (CDU), Nuno Cardoso (independente), José Soeiro (BE), José Carlos Santos (PCTP/MRPP) e José Manuel Costa Pereira (PTP).

Mais de 9,5 milhões de eleitores vão hoje eleger os dirigentes de 3.399 autarquias, numas eleições autárquicas marcadas pela redução de freguesias e pela alteração dos rostos dirigentes em centenas de localidades devido à lei da limitação dos mandatos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG