PS colocou falsos desempregados nos outdoors. Agora volta às origens

Histórias não são das pessoas que aparecem. O PS já pediu desculpa. Novos cartazes com a cara de Costa colocados hoje

Primeiro um certo ar religioso, depois o destaque de um emprego perdido durante um governo PS e ontem a descoberta de que os últimos cartazes da campanha são falsos. Os outdoors que a campanha de António Costa pôs na rua sobre o emprego contam histórias que não aconteceram com as pessoas que neles aparecem. Isso mesmo foi confirmado ontem por uma das caras dos cartazes, que está a ponderar processar o PS.

Ontem à noite, o partido pediu desculpas públicas. E decidiu voltar às origens. Hoje chegam novos cartazes às ruas e mais simples não poderiam ser: a cara de António Costa e a frase "É tempo de confiança."

"Estou desempregada desde 2012, para o governo não existo." Era esta a frase associada à cara de Maria João Pinto num dos cartazes espalhados pelas ruas. Como contou ao Observador, a história não é sua, a "afirmação é falsa". Maria João - que trabalha na junta de freguesia de Arroios - disse estar "revoltadíssima" e revelou que já falou com uma advogada. A alegada desempregada não só tem emprego como foi no local de trabalho que foi abordada para tirar a fotografia. Maria João diz que foi chamada no dia 30 de julho ao gabinete da presidente da junta de freguesia (a ex-presidente da Abraço, Margarida Martins) e que esta lhe pediu para tirar uma "foto para a campanha de António Costa". O pedido surpreendeu-a, mas acabou por assentir quando apareceu um fotógrafo.

Leia mais na edição impressa ou em DN e-paper.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG