20 setembro 2014 às 00h00

PM: erros na Educação e Justiça devem ser "assumidos"

O primeiro-ministro defendeu hoje que os erros devem ser "assumidos e corrigidos", quando detetados, garantindo que é o que está a ser feito com a colocação de docentes e com a plataforma informática do novo mapa judiciário.

/img/placeholders/redacao-dn.png
Lusa
/img/placeholders/redacao-dn.png
Lusa