"Pedro" do Facebook e o PM são a mesma pessoa

Pedro Passos Coelho recusou hoje que o "Pedro" que assinou uma mensagem de Natal na sua página pessoal da rede social Facebook e o primeiro-ministro sejam duas pessoas e que digam coisas diferentes.

"Nós não somos duas pessoas, eu sou primeiro-ministro e também sou cidadão. E apesar de não utilizar o mesmo registo quando falo com a minha família ou com os meus amigos ou quando falo com os cidadãos, na minha qualidade de cidadão também, que muitas vezes uso quando falo como primeiro-ministro, isso não significa que diga coisas diferentes", afirmou Passos Coelho.

"Posso dizer de maneira diferente, mas não digo coisas diferentes", reforçou.

Passos Coelho visitou hoje, em Coimbra, o Museu Nacional Machado de Castro (MNMC), que sofreu obras de reabilitação e requalificação, recentemente inauguradas e, no final, destacou o trabalho da equipa que permitiu a recuperação do Museu e o acervo de qualidade "única" que Coimbra "pode mostrar ao mundo".

No final de uma visita de mais de uma hora, à qual os jornalistas não tiveram acesso - apenas repórteres de imagem foram autorizados a entrar numa das salas mais emblemáticas do Museu, onde estão expostas peças em terracota que representam a "Última Ceia", de Hodart - o PM destacou as obras que o MNMC contém, que lhe deram "projeção externa" e que são motivo "não só da nossa memória coletiva mas também de enriquecimento" para Portugal.

"É um museu, de facto, extraordinário com uma equipa extraordinária", disse Passos Coelho.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG