Passos no Pontal com decisão constitucional na mão

A Festa do Pontal regressa novamente a Quarteira a 15 de agosto, voltando a contar com a presença do primeiro-ministro e líder do partido que discursa já com a decisão do Tribunal Constitucional na mão.

O presidente do PSD e primeiro-ministro será o principal orador da habitual Festa do Pontal, no dia 15, sexta-feira, que assinala a rentrée social-democrata. Pedro Passos Coelho vai discursar já com a decisão do Tribunal Constitucional sobre os cortes salariais na função pública na mão, uma vez que os juízes do Palácio Ratton anunciaram que revelam o acórdão até 14.

De acordo com uma nota do partido, a Festa do Pontal, que comemora este ano a 29.ª edição, irá realizar-se a partir das 19:30 e contará com as intervenções de Pedro Passos Coelho e do líder do PSD/Algarve, Luís Gomes.

A Festa do Pontal realizou-se pela primeira vez há 38 anos, em agosto de 1976, altura em que decorreu no Pinhal do Pontal, junto à Ria Formosa, em Faro, e chegou a contar por duas vezes com a presença de Sá Carneiro.

Após um interregno de sete anos, a festa foi retomada em 2005 pelo então líder do PSD/Algarve Mendes Bota, na baixa de Faro.

No ano seguinte, o convívio social-democrata passou para a marginal de Quarteira, onde se realizará agora pelo oitavo ano, depois do interregno de 2012, quando aconteceu num recinto fechado, um salão de um parque aquático a poucos quilómetros de distância.

A estreia de Pedro Passos Coelho enquanto líder do PSD aconteceu em 2010, depois de nas duas edições anteriores a então presidente do partido, Manuela Ferreira Leite, não ter comparecido.

Em 2011, foi já como primeiro-ministro que o líder social-democrata discursou no Pontal, algo que não acontecia desde a década de 1990, com Cavaco Silva.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG