País precisa manter "estabilidade política"

O Presidente da República afirmou hoje que a moção de censura ao Governo apresentada pelo PCP "é um direito constitucional", mas considerou ser "de toda a importância para o país" preservar a "estabilidade política".

Cavaco Silva, que falava aos jornalistas à margem da cerimónia oficial do projeto "Windfloat", uma plataforma flutuante de energia eólica offshore instalada a seis quilómetros da costa da Póvoa de Varzim, afirmou que a moção de censura ao Governo apresentada na sexta-feira pelo PCP deve ser encarada "com toda a normalidade" por se tratar de um direito constitucional dos partidos com assento na Assembleia da República.

Contudo, disse, "é da maior importância para o país que se preserve a estabilidade política, sem a qual Portugal não conseguirá ultrapassar os obstáculos que tem à sua frente".

Cavaco Silva preferiu não se pronunciar mais sobre o assunto, pois são os deputados "que terão a última palavra" na discussão da mesma no parlamento.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG