MNE: "Nenhuma das soluções apresentadas" pelos EUA é "verdadeira alternativa" para as Lajes

Portugal manifestou esta quinta-feira o seu "forte desagrado" com a redução da presença dos EUA na base das Lajes, frisando que "nenhuma das soluções apresentadas constitui verdadeira alternativa que, de facto, mitigue o impacto" dessa decisão.

"O Governo Português expressa o seu forte desagrado por esta decisão, que não teve em conta as preocupações que transmitiu aos Estados Unidos da América ao longo dos últimos dois anos, em articulação com o Governo Regional dos Açores", afirmou o Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE).

Em comunicado, o MNE qualificou como "especialmente preocupante, para o Governo, as consequências desta decisão na situação económica e social da Ilha Terceira".

Por isso, "o Governo irá proceder a uma análise detalhada desta decisão e de todas as suas possíveis implicações", adiantou o MNE.

O Governo adiantou que o assunto - uma redução de dois terços dos efetivos militares e civis dos EUA nas Lajes - vai ser abordado no próxinmo mês, no quadro da Comissão Bilateral Permanente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG