Maioria impõe audição de Carlos Costa na quinta-feira

Governador do Banco de Portugal explica-se na Comissão Parlamentar de Orçamento na quinta-feira, duas horas depois de Maria Luís se explicar aos deputados na Comissão Permanente.

A Comissão Parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública (COFAP) vai ouvir Carlos Costa, governador do Banco de Portugal, na quinta-feira, pelas 18.00, "a requerimento dos Grupos Parlamentares do PSD e CDS-PP, sobre a solução apresentada para resolução da situação do Banco Espírito Santo/Novo Banco", segundo a convocatória publicada no site da Assembleia da República.

Meia hora antes, a mesa e os coordenadores da COFAP reúnem para discutir a "programação das audições sobre a situação do Banco Espírito Santo/Novo Banco".

A audição do governador do Banco de Portugal acontece duas horas depois da ministra de Estado e das Finanças se explicar aos deputados, em reunião da Comissão Permanente, pelas 16.00 de dia 7, na Sala do Senado do Palácio de S. Bento.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG