Ligação mercadorias em bitola europeia entre Lisboa e fronteira franco-espanhola em 2018

Portugal e Espanha comprometem-se hoje a concluir até 2018 a ligação ferroviária de mercadorias em bitola europeia entre Lisboa e Irún (fronteira franco-espanhola), com passagem por Sines, Caia e Madrid, segundo a declaração da XXV Cimeira Luso-Espanhola.

Fonte diplomática disse à Lusa que o texto da declaração final do encontro que decorre hoje no Porto prevê ainda a concretização "o mais rapidamente possível" (mas sem data estabelecida) da ligação ferroviária de mercadorias Aveiro-Salamanca-Irun.

"As duas partes reafirmam o seu empenho no desenvolvimento da rede de transporte ferroviário de mercadorias entre os dois países, para aumentar a competitividade das empresas ibéricas no contexto europeu", disse.

A declaração final reflete ainda a vontade de otimização da ligação Porto-Vigo, com uma "melhoria progressiva e substancial" deste serviço em duas etapas, através da "potenciação como serviço internacional" e, a médio prazo "através de uma atuação sobre a própria infraestrutura ferroviária".

Ainda no setor dos transportes o documento prevê a eletrificação da ligação entre Vilar Formoso e Medina del Campo (Espanha) até 2015.

Os dois Governos querem encontrar uma solução que viabilize a ligação ferroviária, em "condições de serviço atrativas e financeiramente sustentáveis" do serviço Lusitânia Expresso, que une as duas capitais.

Na terça-feira, a ministra do Fomento espanhola, Ana Pastor, destacou em Lisboa -- onde participou num jantar com o ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira e com empresários dos dois países - "os avanços dados nos últimos meses em benefícios das infraestruturas dos dois países".

"Estamos empenhados em formar parte das redes transeuropeias de transportes. Estamos a trabalhar nos projetos que interessam aos dois governos, especialmente no que tem a ver com o corredor de mercadorias que possa colocar as mercadorias ibéricas no resto da Europa", afirmou.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG