José Manuel Rodrigues abandona parlamento nacional

O vice-presidente do CDS, José Manuel Rodrigues, afirmou ontem à noite, em declarações à RTP-N, que iria deixar parlamento nacional para regressar à Madeira, ciclo pelo qual foi eleito.

Esta decisão do vice-presidente do CDS prende-se com a dificuldade que José Manuel Rodrigues teria na votação do Orçamento do Estado para 2013, votando contra, portanto.

«Essa é uma das razões que me leva a sair do Parlamento nacional. Não concordo com as medidas que estão a ser anunciadas em termos de austeridade. Espero que sejam invertidas por pressão do CDS e deste Conselho Nacional», disse à RTP-N.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG