Seguro convocou reunião urgente da Comissão Política

António José Seguro, líder do Partido Socialista, convocou uma reunião urgente da Comissão Política para terça-feira. O secretário-geral está "furioso" com atitude de deputados do partido

O próprio Seguro confirmou a notícia a jornalistas, na Assembleia da República. Nessa altura, acrescentou, falará sobre a situação interna no partido. "A questão é muito simples: marquei uma reunião da Comissão Política Nacional do PS, onde, no órgão próprio do partido, terei a oportunidade de falar sobre a vida interna do PS."

O líder dos socialistas sustentou depois que, "neste momento, o que interessa aos portugueses é que o PS se concentre nas soluções para resolver dos problemas do país".

António José Seguro está furioso com o que alguns deputados do PS estão a fazer, apurou o DN. Num momento de combate ao Governo, considera o líder socialista, esses deputados "fazem frete" ao Executivo.

Nos últimos dias vários dirigentes do PS afetos à oposição interna têm defendido que o processo eletivo interno no partido (eleições diretas para o secretário-geral e depois congresso nacional) deve decorrer antes das eleições autárquicas. Na quarta-feira, numa primeira reação às notícias, o secretário-geral do PS tinha questionado repetidamente "qual é a pressa?".

Ontem à noite, na SIC-Notícias, Álvaro Beleza, um dos dirigentes do PS mais próximos de Seguro (é membro do secretariado nacional do PS), disse que esse processo eletivo será "naturalmente" antes das eleições autárquicas.

Compete a um outro órgão do partido, a Comissão Nacional, órgão máximo entre congressos, estabelecer o calendário das diretas e do congresso.

Seguro aproveitou para reclamar vitória na decisão do Governo de suspender a privatização da RTP: "Vejo como mais uma vitória do PS. O PS tinha razão quando se opôs desde o início à privatização da RTP. O Governo fez uma enorme trapalhada que custou muito à imagem da RTP e custou dinheiro ao erário público."

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Política
Pub
Pub