Notícia "parecia brincadeira do dia das mentiras"

A antiga ministra das Finanças Manuela Ferreira Leite considerou hoje num programa na TVI24 que a forma como surgiu a notícia sobre novos cortes nas pensões parecia uma "notícia do primeiro de abril".

Para Manuela Ferreira Leite se uma medida desta natureza "está no Orçamento, significa que estamos, mais uma vez, perante um corte nas pensões e que não se trata de reforma da Segurança social nenhuma".

A antiga dirigente do PSD recordou que, já esta semana, Luís Montenegro negara de forma terminante estarem em preparação mais cortes de salários e pensões.

Para Ferreira Leite, o facto de uma reforma da Segurança Social estar a ser tratada ao nível das Finanças "é algo preocupante." Isto depois de já se terem feito importantes alterações, por exemplo, "na idade da reforma, já mexeram nas pensões de sobrevivência e já se alterou a contribuição extraordinária". Estas mudanças conjugadas com uma possível reforma reforma da Segurança Social" significam a existência de "muitas incertezas à volta desta matéria", sustentou a antiga ministra das Finanças de Durão Barroso.

Para Ferreira Leite, em "matéria das pensões ninguém se devia pronunciar sem ser com a maior seriedade". Factos como a notícia divulgada quinta-feira, só servem "para juntar uma incerteza à outra", disse ainda.

Exclusivos