Eleições intercalares na freguesia de São Pedro

O Governo determinou a realização de eleições intercalares na freguesia de São Pedro, Figueira da Foz, a 19 de outubro, depois de todos os membros da lista do PS, que venceu as eleições em 2013, terem renunciado.

Em despacho publicado esta quarta-feira em Diário da República, o secretário de Estado da Administração Local, Leitão Amaro, determina a marcação de eleições intercalares "considerando a renúncia ao mandato da totalidade dos membros efetivos e suplentes candidatos pela lista mais votada".

No texto lê-se ainda que por esse facto "ficou esgotada a possibilidade de substituição do Presidente da Junta", António Samuel, que se demitiu do cargo em julho, após irregularidades relacionadas com a alegada utilização para fins pessoais de dinheiro daquela autarquia e contratação de um familiar.

Na altura, de acordo com a comunicação social regional, António Samuel terá utilizado 500 euros "para fazer face a uma emergência pessoal", tendo, mais tarde, devolvido o dinheiro em causa.

Em setembro de 2013, o PS venceu as eleições na freguesia com 897 votos, mais do dobro dos obtidos pelo candidato da Lista Independente de São Pedro.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...