Direção socialista tem "grande abertura" para entendimento

Alberto Martins manifestou "vontade de transparência e rigor" pela direção de Seguro no processo das eleições primárias. Assis diz que consenso é "absolutamente imprescindível".

O líder parlamentar do PS, Alberto Martins, apontou a "grande abertura" e "vontade de transparência e rigor" para discutir o regulamento, que permita a participação do "maior número" de cidadãos nas eleições primárias, falando à chegada para a Comissão Política socialista que, esta quinta-feira à noite, discute esse regulamento do ato eleitoral para a escolha do candidato do PS para primeiro-ministro.

Francisco Assis, que foi cabeça de lista às europeias, tentou fazer a ponte. "Julgo que as eleições primárias no PS são um avanço e considero muito importante que haja um consenso entre ambos, sufragado por esta Comissão Política, sobre as regras. Acho mesmo que é absolutamente imprescindível", avisou, sem se pronunciar "em concreto" sobre as propostas em discussão.

Exclusivos

Premium

Crónica de Televisão

Os índices dos níveis da cadência da normalidade

À medida que o primeiro dia da crise energética se aproximava, várias dúvidas assaltavam o espírito de todos os portugueses. Os canais de notícias continuariam a ter meios para fazer directos em estações de serviço semidesertas? Os circuitos de distribuição de vox pop seriam afectados? A língua portuguesa resistiria ao ataque concertado de dezenas de repórteres exaustos - a misturar metáforas, mutilar lugares-comuns ou a começar cada frase com a palavra "efectivamente"?