Campanha de Seguro quer Costa fora do programa da SIC

Eurico Brilhante Dias, membro do Secretariado Nacional do PS e apoiante de António José Seguro nas eleições primárias, apelou ao autarca de Lisboa para que suspenda a presença na comunicação social como comentador por gerar desequilíbrio entre as candidaturas.

"Apelamos a que deixe a coluna semanal no Correio da Manhã e o lugar que tem vindo a ocupar nos últimos três anos na Quadratura do Círculo", disse Eurico Brilhante Dias em declarações à agência Lusa.

De acordo com o apoiante de Seguro, o facto de António Costa aparecer regularmente como comentador nos órgãos de comunicação social leva a um "desequilíbrio à livre escolha e esclarecimento" dos militantes.

"Desta forma, apelamos a que deixe estes espaços até que se realizem as eleições primárias no dia 28 de setembro. Se ele não entender este apelo genuíno para que as eleições possam decorrer com equidade, apelamos à comunicação social que possa garantir condições de igualdade aos candidatos e revejam a opção editorial que têm tido", explicou.

António José Seguro e António Costa disputam a 28 de setembro a votação para escolher o candidato do PS a primeiro-ministro.

Eurico Brilhante Dias voltou a apelar a António Costa a que se façam debates entre os dois candidatos para que os eleitores possam decidir o melhor candidato às eleições de setembro, lembrando que se apenas um candidato tem acesso a um conjunto de instrumentos de comunicação há um "desequilíbrio que não é favorável à livre escolha e esclarecimento".

Na quarta-feira, o secretário-geral do PS, António José Seguro, acusou António Costa, seu adversário nas primárias socialistas do final de setembro, de fugir a debates públicos.

"Por mim já tínhamos feito vários debates. Quem foge dos debates é o António Costa", disse Seguro aos jornalistas, falando à margem de uma visita à companhia de processamento de tomate FIT (Fomento da Indústria de Tomate) em Palmela, distrito de Setúbal.

"Estou disponível para debater as soluções que tenho para o país. Com ele [Costa] ou com o primeiro-ministro", prosseguiu António José Seguro, que diz ter indicações de que o primeiro debate entre ambos os candidatos se realizará "finalmente" na próxima semana.